Gratificação de produtividade é tema divergente na Mesa de negociação do SUS

28/03/2022


 

Reunião ordinária da Mesa Estadual de Negociação Permanente do SUS/RN foi realizada hoje (28), na Escola de Saúde Pública do RN, e tratou, entre outros temas, sobre a gratificação de produtividade das categorias da saúde.

No entendimento do Sindicato dos Médicos do RN (Sinmed RN), a discussão sobre produtividade nos termos tratados na reunião pode trazer novos prejuízos aos médicos, uma vez que a proposta defendida na Mesa de Negociação é para a retirada de parte da gratificação da categoria médica para a redistribuição com as demais categorias.

 “O sindicato se manifestou contrário a este entendimento. Não por discordar de que as outras categorias precisam de alguma melhoria, mas por entender que é preciso ter nova fonte de recurso para esta gratificação e não retirar de quem já possui uma produtividade como a dos médicos”, questiona Geraldo Ferreira, presidente do Sinmed RN.

O sindicato esclareceu para as outras categorias, durante a reunião, as razões da deflagração da greve dos médicos. Além da solicitação do aumento de níveis, de 16 para 20, e do reajuste de internível para 3%, a gratificação por qualificação foi apontada como questão crucial para a greve.

A gestão da Sesap informou que o setor jurídico do governo está analisando a questão e dará um parecer. “Se realmente for uma questão de interpretação e o parecer jurídico reconheça que o sindicato tem razão, não precisará mudar a lei. Mas, no momento, continua o impasse”, afirma Geraldo Ferreira.

Neste contexto, o Sinmed RN alerta a categoria médica para a necessidade de continuar com o movimento de a greve, seguindo as orientações de suspensão de consulta e atendimentos ambulatoriais e redução de atendimento da urgência e emergência.