“Lula e Bolsonaro vão liquidar o país”, diz Ciro Gomes

23/01/2022


Foto: poder360.com.br

 

Neste domingo (23), em entrevista à Band News, o ex-ministro da Fazenda Ciro Gomes (PDT-CE) fez uma análise sobre a corrida presidencial de 2022, sobretudo no que se refere ao duelo particular entre Lula (PT) e Jair Bolsonaro. De acordo com o político cearense, a polarização entre esses candidatos vai “liquidar o país”. 

 

Ciro Gomes, o qual concorre pela quarta vez à Presidência da República, afirmou que uma uma pauta definida pela rejeição entre os concorrentes não conduzirá o Brasil ao desenvolvimento, principalmente no pós-pandemia. "Se a gente diz não ao PT para votar no Bolsonaro e diz não ao Bolsonaro para votar no PT, o País vai liquidar-se", ressaltou.

 

No que concerne à ideia de implementação de uma nova legislação trabalhista, Ciro admite uma outra proposição, a qual vai preconizar o bem-estar do trabalhador. Ademais, o presidenciável atacou a atual política neoliberal do governo federal. "Vamos achar o equilíbrio e a guia será a proteção do trabalho e do trabalhador. Além do mais, é preciso rever a política de preços da Petrobras e combater a privatização da estatal", disparou.

 

Na última sexta-feira (21), o ex-governador do Ceará lançou oficialmente sua pré-candidatura ao Palácio do Planalto. No discurso, fez reiteradas críticas aos líderes das intenções de votos nas pesquisas, salientando que seu objetivo é “quebrar a tendência de polarização nas urnas”.