São Gonçalo: Câmara tem mulher presidente e 1/3 de representação feminina

01/03/2021

Por: CEFAS CARVALHO
 
 
Se em alguns municípios, como a capital Natal e em Parnamirim, o número de mulheres nas Câmaras Municipais diminuiu da legislatura passada para a que começou em janeiro deste ano, no município de São Gonçalo do Amarante, a situação é diferente.
 
Dos 17 parlamentares, 6 são mulheres, incluindo a presidente da casa, Valda Siqueira. As demais vereadoras são Rayure Protásio, Régia David, Márcia Soares, Elaine Dantas e Aninha Siqueira.
 
É a legislatura com maior participação de mulheres, tanto em números absolutos quanto em percentual. Nada menos que mais de 1/3 da composição parlamentar é formada por mulheres. Número ainda aquém de representar os dados estatíticos (população de 51% de mulheres no país) e a representatividade ideal, mas, um avanço em relação a outros municípios.
 
Em algumas legislaturas anteriores, a Mesa Diretora chegou a ser 100% ocupada por homens.
 
"Havia 28 anos que a Câmara Municipal de São Gonçalo não era presidida por uma mulher", registrou Valda.
 
DIA DA MULHER
 
Na segunda-feira dia 8 de março, quando se celebra o Dia Internacional da Mulher, a PNTV terá programação especial de oito horas de entrevistas com mulheres feitas por mulheres jornalistas. Serão entrevistadas mulheres políticas, empresárias, profissionais liberais, artistas, muito mais.