Sebrae/RN orienta escolas particulares para retomada das atividades

08/07/2020


Foto: Agência Sebrae / Lorena Roosevelt e diretores do Sebrae-RN participaram da reunião virtual
 
A expectativa é de que as aulas sejam retomadas a partir do próximo mês e, para auxiliar os estabelecimentos de ensino particular a adotar os protocolos e medidas de bioprevenção para garantir a saúde dos envolvidos, o Sebrae no Rio Grande do Norte reuniu 85 empreendedores do setor educacional na tarde desta segunda-feira (6) para apresentar as diretrizes do programa Reinicie. A ação leva orientação das diversos setores da economia sobre o retorno das atividades com segurança em relação ao novo coronavírus (Covid-19). O acesso a linhas de crédito voltadas aos pequenos negócios também entrou na pauta da reunião online.
 
A ideia é apoiar esses empreendimentos a estruturar e organizar pelos próximos 30 dias processos internos e os protocolos, colocando-os em prática e assegurar tranqulidade para pais, alunos, professores e demais envolvidos. Será montado um arranjo institucional, que será executado em parceria com o Sesi, junto a esse público com consultorias especializadas capazes de atender a essa demanda de bioprevenção no ambiente escolar, desde a parte de higiene, distanciamento e atendimento. Isso porque pesquisa feita pelo Sebrae apontou que 95% das escolas já conhecem as normas estabelecidas mas precisam de auxílio para implantá-las.
 
“Trata-se de empreendedores da área da educação, que têm facilidade de compreensão desses conteúdos, porém precisam de apoio para estruturar os métodos nessa área dentro da escola”Lorena Roosevelt - Gerente da UDS do Sebrae-RN
 
“Trata-se de empreendedores da área da educação, que têm facilidade de compreensão desses conteúdos, porém precisam de apoio para estruturar os métodos nessa área dentro da escola”, explica a gerente da Unidade de Desenvolvimento Setorial do Sebrae-RN, Lorena Roosevelt. Segundo ela, o encontro online serviu também para aparesentar fichas técnicas direcionadas ao setor, os conteúdos, as consultorias, a quantidade de horas e como é o trâmite interno no Sebrae para fazer isso acontecer.
 
Crédito
 
A Agência de Fomento do Estado (AGN), que é parceira do programa Reinicie, também participou da reunião e apresentou a linha de crédito disponível para as escolas particulares, já que muitos estabelecimentos vão precisar fazer adequações no layout e adquirir equipamentos de proteção individual e coletiva, além de outros itens necessários à retomada das atividades.
 
O Sebrae também vai apresentar essa linha de crédito, e as soluções na área de bioprevenção, aos donos de academia de ginástica ainda nesta semana. A apresentação está programada para a próxima sexta-feira (10), a partir das 17h pela internet.
 
Essas ações integram a campanha ‘Reinicie’, desenvolvida pelo Sebrae em parceria com o Governo do Estado para ajudar os empreendimentos a adotarem protocolos de normas de bioprevenção e saúde neste momento de retomada das atividades. A iniciativa traz todo um arcabouço de suporte para implantar essas práticas de prevenção ao novo coronavírus  no ambiente das empresas, visando à segurança e proteção tanto dos clientes quanto de funcionários, fornecedores e do próprio empresário. 
 
A campanha ‘Reinicie’ envolve capacitações, consultorias e outras ferramentas, como cartilhas nas áreas de comércio, serviços, indústria e agronegócios, que serão disponibilizadas para download. O suporte contempla ainda vídeos explicativos, oficinas, palestras e orientações técnicas.