Cefas Carvalho

02/10/2019
 
Deu a louca no Mundo!
 
 
Como se sabe, após o Oscar para Leonardo di Caprio, o impeachment de Dilma Rousseff e o cancelamento do show de Lady Gaga no Rock in Rio 2017, o Brasil e o Mundo deram uma ziguezira e nunca mais nada foi o mesmo.
 
Agora descubro que o ´rei`Roberto Carlos afirmou que não fará especial de fim de ano na Globo neste ano de 2019. Medo! Há um risco da linha temporal se perder de vez e coisas imprevisíveis acontecerem. A relação tempo-espaço pode sofrer sérios danos.
 
Brincadeiras à parte, e mais que necessárias no Brasil de hoje, é difícil imaginar uma realidade sem o "especial de fim de ano de Roberto Carlos na Rede Globo". Goste-se ou não do cantor e compositor.
 
Afinal, é daquelas coisas que já estão entranhadas no nosso imaginário. Recordo de meus pais, que nem gostavam muito de Roberto, assinto ao show pela TV, geralmente depois do jantar da véspera de natal.
 
Também havia as reuniões de tias e avó na casa de uma ou outra para assistirem aio especial, entre cantorias, recordações e críticas. 
 
Os especiais de fim de ano também eram uma maneira de acompanharmos a vida e a vibe de Roberto. Com estes shows soubemos do casamento com Maria Rita e depois da trágica morte dela, das amizades perdidas e reconquistadas pelo caminho. Das fases, dos amores, das neuras, das canções sobre caminhoneiros, baleias, mulheres gordinhas, altas, baixinhas etc etc. Muitas emoções!
 
Enfim, que seja mero boato essa decisão. Show de fim de ano de Roberto na Globo já é uma instituição. Tão brasileira quando churrasco em jogo do Brasil na Copa do Mundo e café com leite.