Segundo jornal, dois soldados russos morrem após comerem pães envenenados oferecidos por ucranianos

05/04/2022


Foto: metroworldnews.com.br

 

De acordo com informações do Ministério de Defesa da Ucrânia, divulgadas na manhã desta terça-feira ao jornal britânico Daily Mail, 2 soldados do exército russo morreram e 28 estão internados depois de ingerirem pães envenenados que foram oferecidos por civis ucranianos. Conforme relatado pelo órgão, o fato aconteceu na cidade de Kharkiv e os alimentos foram entregues como “presentes” aos militares. 

 

Conforme registrado pelo Daily Mail, os soldados que receberam os pães eram da 3ª Divisão de Fuzileiros Motorizados da Rússia. Os 28 sobreviventes estão sendo tratados em uma UTI de um hospital ucraniano. Ademais, cerca de 500 militares também foram hospitalizados devido a uma intoxicação de origem desconhecida. 

 

Os atos dos civis seriam, segundo o periódico britânico, parte de uma estratégia de defesa contra a ofensiva russa no território do país do Leste Europeu. O pão recheado - que pode ter uma massa doce ou salgada - e que teria sido utilizado para envenenar os soldados, tem o nome de Pyrizhky e é uma iguaria tradicional na Rússia e na Ucrânia. 

 

O envenenamento dos soldados russos se dá em meio a um agravamento no confronto bélico entre os dois países, sobretudo depois da morte de civis na cidade de Bucha, no noroeste da Ucrânia. De acordo com o presidente Volodymyr Zelensky, as tropas adversárias promovem um “genocídio” em seu país.