Aposentado que não conseguir fazer prova de vida durante greve no Ipern não terá pagamento bloqueado

15/03/2022


Foto: Divulgação
Os servidores posentados e pensionistas do Rio Grande do Norte que fazem aniversário do período de janeiro a março e que estão com o recadastramento pendente, não terão pagamentos bloqueados durante a greve dos servidores do Instituto de Previdência do Estado (Ipern), segundo anunciou o órgão. Por causa do cancelamento do atendimento, os agendamentos que haviam sido feitos para este mês de março, terão que ser reagendados através do próprio site do Instituto.
 
A categoria em greve cobra a atualização do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR), com reajuste de salários, e a realização de concurso público para o Instituto. Segundo o sindicato, o Ipern conta com cerca de 80 servidores para atender a todo o funcionalismo público estadual e o último concurso para o órgão foi realizado há 44 anos, em 1977.
 
Mais informações podem ser obtidas através dos telefones (84) 3232-2930, 3232-2925 / 3232-2900 e o 3232-2901, ou através do endereço eletrônico da ouvidoria: ipernouvidoria@rn.gov.br.