Sindifern dialoga com setor produtivo e fará seminário sobre Reforma Tributária

19/03/2021

Por: José Pinto Júnior
 
 
O Sindicato dos Auditores Fiscais do RN (SINDIFERN), através do presidente Roberto Fontes, do vice-presidente Juarez Moura e do ex-presidente e diretor de formação sindical, Fernando Freitas realizou reunião virtual com o presidente da Fecomércio, Marcelo Queiroz, com o objetivo de juntar esforços para produzir uma proposta de Reforma Tributária solidária para o Brasil. 
 
O auditor Fiscal Fernando Freitas, abriu a reunião argumentando que o sistema tributário brasileiro está em desacordo com os países desenvolvidos e precisa de uma mudança urgente. “Precisamos prestar atenção nos países modernos e construirmos uma reforma tributária que venha simplificar a cobrança de imposto, cobrando menos no consumo”, argumentou. 
 
Para o presidente do Sindifern, Roberto Fontes, é preciso que a reforma tributária diminua a tributação em cima do consumo e aumente a tributação na renda e no patrimônio. “É preciso construir uma legislação mais justa para que o Brasil aumente o mercado interno e ganhe competitividade a nível internacional”, colocou. 
 
Na opinião do vice-presidente Juarez Moura, os sindicatos e associações precisam ter uma visão, além das questões coorporativas e, deve pensar em saídas para o Brasil, sobretudo em relação a tributação. “Sindicato existe para defender o lado coorporativo, mas o momento que vivenciamos, urge a necessidade de construirmos uma reforma tributária Solidária. Estamos iniciando esta mobilização para vencermos este momento”, argumentou. 
 
FECOMÉRCIO
 
O presidente da Fecomércio, Marcelo Queiroz, cumprimentou os dirigentes do Sindifern pela iniciativa e se colocou à disposição para ajudar a construir a proposta do Rio Grande do Norte em parceria com o segmento a nível nacional. “Estamos dispostos e juntos para ouvirmos as diversas propostas para construirmos uma reforma tributária justo para o setor produtivo e para o cidadão”, argumentou. 
 
Para o diretor da Fecomércio, Laumir Barreto que também participou da reunião, “é mais que oportuno, é necessário que que a instituição participe desta construção para que o Brasil venha ter uma reforma tributária mais justa”, registrou. 
 
A diretoria do Sindifern se reuniu na semana passada com o presidente da CDL de Natal, José Lucena, que apoia a ideia. Agora com o presidente da Fecomercio, Marcelo Queiroz e na próxima semana, se reúne com o presidente da FIERN, Amaro Sales. 
 
Segundo o articulador do movimento, Fernando Freitas, na segunda semana de abril, acontecerá o seminário, por enquanto chamado de: Reforma Tributária Solidária.  O objetivo do seminário é construir consensos para os principais eixos da reforma.