Escritor e dramaturgo Júnior Dalberto morre em Natal aos 60 anos

27/10/2020


 
Morreu na madrugada desta terça-feira o escritor, poeta e dramaturgo Júnior Dalberto, aos 60 anos, vítima de Covid-19.
 
Junior Dalberto era policial federal aposentado e formado em Ciências Contábeis pela UFRN. Pùblicou oito livros, deixou 18 peças de teatro e dois roteiros musicais. Também autor e encenador de textos infantis como “Um Robô no Mundo da Fantasia”, “Pinóquio e o Circo” e “A Trilha da Caveira que Ri”. Dalberto também é responsável pela direção cênica da inauguração do Cine Teatro Parnamirim e foi o dramaturgo dos monólogos Boderline (passou seis anos em cartaz) e Inkubus. 
 
Teve vários livros publicados: Pipa Voada Sobre Brancas Dunas; Cangaço e o Carcará Sanguinolento; Nefertiti - a Gata Egípcia; Bordeline; A Barca de Caronte; O Velório da Marquesa di Fátimo, dentre outros.. Foi Diretor do Sindicato dos Policiais Federais no Rio Grande do Norte.. Um dos realizadores do exitoso "Projeto Federais Solidários" que levava palestras sobre o combate à corrupção, drogas, crimes cibernéticos, o amor à leitura com distribuição gratuita de livros aos alunos da rede estadual de ensino por diversas cidades do Rio Grande do Norte.
 
Confira abaixo entrevista feita pelo repórter Cefas carvalho com ele em agosto de 2019, veiculada nesta terça em homenagem ao artista: