Cristiane repercute debate sobre transtornos mentais causados pela violência

16/05/2018


Foto: Divulgação

A deputada Cristiane Dantas (PPL) repercutiu, na sessão desta terça-feira (15), o tema “Violência gerando transtorno mental”, debatido em audiência pública realizada nesta terça-feira (14), por proposição de seu mandato. A discussão, segundo a parlamentar, aconteceu, principalmente, em torno das graves consequências que a violência tem gerado à saúde mental e à qualidade de vida da população do Rio Grande do Norte.

“Essa discussão trouxe uma grande reflexão: que o grande gerador desses transtornos mentais é a violência”, disse Cristiane, apontando os profissionais da segurança pública como vítimas. “Quero chamar atenção para os transtornos, o pânico, a depressão e até o suicídio”, alertou a parlamentar, fazendo um alerta para a Ponte Newton Navarro, hoje o lugar da capital onde tem se registrado um grande índice de suicídios. Cristiane chamou atenção do Governo do Estado para instalação de uma rede de proteção na ponte para evitar que as pessoas cometam suicídio. “O debate foi muito pertinente”, afirmou Cristiane Dantas, relatando o alto índice de licenças e atestados médicos entre os profissionais da segurança pública, motivados por transtornos mentais.

A deputada Márcia Maia (PSDB) aparteou a deputada Cristiane Dantas, destacando os exemplos que cada família no Rio Grande do Norte tem para contar sobre casos de violência. “Tenho pessoas muito próximas que já sofreram e ficaram durante muito tempo bastante traumatizadas”, afirmou Márcia, acrescentando que além dos policiais citados por Cristiane Dantas, os agentes penitenciários também são vítimas de problemas emocionais causados pela violência.