Renisse Ordine

09/01/2020
 
Correntes Paralelas: O destino é um jogo e a vida requer destreza para se tornar um bom jogador
 
 
A maioria das pessoas acredita que percorremos por um caminho já definido por uma força superior, independente da religião. Outros acreditam que, nós mesmos somos donos de nosso destino de acordo com as nossas escolhas, o chamado livre arbítrio. Porém, o que ninguém espera e nunca está preparado são pelas drásticas mudanças que repentinamente acontecem num piscar de olhos em nossas vidas e muito menos que essas transformações possam ser causadas por alguém que nunca vimos. 
 
Mas, como estamos sujeitos a tudo nesse mundo, vidas distintas podem se cruzar, ficando os destinos em paralelo; e um ato cometido por um desconhecido, pode causar um efeito dominó; tornando-nos peça de um jogo.
 
O livro, Correntes Paralelas, da escritora, Lília Figueiredo, mostra as mudanças drásticas ocorridas com o casal, Melinda e Cristofer Grenet, que vivem felizes  até um ato insano modificar as suas vidas. O filho de um juiz, Antônio Sestini, modifica tudo o que parecia intacto, não somente na vida do casal, como também, de outros personagens, que vão se unindo no decorrer da história.
 
As reviravoltas acontecem a todo instante e Melinda se vê presa em outro lugar no estrangeiro, especificamente, em Cruzalba, em meio a uma floresta, em companhia de desconhecidos. Porém, somente a essas pessoas, ela poderia recorrer para se livrar daquela confusão, que não sabia nem o porquê de estar metida. Os personagens Marcus, Sereno, Dante, Jeff, Rick e Bô serão seus amigos ou inimigos?
 
“Como uma corrente, cada elo é fundamental. A falha de um elemento coloca em risco a unidade inteira, e isso vale para os integrantes ocasionais”. (trecho do livro).
 
Com destreza, Melinda procura enfrentar os desafios que são involuntariamente impostos nessa nova realidade e, tendo assim, uma nova percepção de sua força interior. Até esse momento ela não tinha conhecimento do que era capaz de fazer e enfrentar. 
 
Correntes Paralelas vai além da aventura, é um romance inesperado e transformador. Provoca a reflexão e a mudança: de que nem sempre vivemos de acordo com o que queremos e planejamos. 
 
Uma simples pessoa atravessando a rua ou lendo um livro pode ser o agente modificador de toda a sua vida e vocês podem nunca se encontrar...