Geraldo Veríssimo: “O ponto alto do Legislativo é a união dos vereadores”

05/09/2014


Presidente da Câmara de São Gonçalo do Amarante falou ao programa sobre aeroporto, união dos vereadores em prol do povo, reforma na Câmara e Poder Executivo.

A sinalização para o novo aeroporto indica que o terminal estaria em Natal, qual o posicionamento da população de São Gonçalo a respeito dessa questão?
A cidade de São Gonçalo tem 305 anos de tradição cultural, isso faz com que o povo tenha uma identidade própria. A referência ao novo aeroporto como se ele estivesse em Natal vem gerando um certo receio, receio de que aconteça o mesmo que aconteceu em Parnamirim. Todas as placas dizem “bem-vindo a Natal”, mas situação geográfica do aeroporto de São Gonçalo é bem diferente de Parnamirim, uma vez que ele está no centro de São Gonçalo, entre bairros tradicionais, não há coerência nisso. Então, a polêmica na cidade é grande. Entramos e contato com a Inframérica para tentar resolver o problema e, caso não haja a mudança, convocaremos uma ação pública popular a fim de dar um fim justo a essa discussão.

Qual foi o ponto alto do legislativo de São Gonçalo neste ano de 2014?
O ponto alto do legislativo consiste na união dos vereadores em benefício do município, união para aprovar todas as leis que beneficiem a conclusão do aeroporto. Um plano diretor bem arrojado, que a cada dia vem se renovando, e a Câmara tem feito seu trabalho diante disso. Além disso, tivemos a inauguração do novo prédio da Câmara, uma estrutura nossa, com 17 gabinetes equipados e, principalmente, a capacidade de trazer todos esses benefícios para a cidade estando quites com o Ministério Público e com o Tribunal de Contas.

Existe um clima de harmonia entre o Legislativo e o Executivo do município?
Nós estamos em harmonia, as diferenças entre nós são pontuais, naturais às vésperas de uma campanha eleitoral, mas que procuramos diminuir ao máximo.
 

Fonte: Revista Conexão Potiguar