Eliade Pimentel

29/11/2021
 
Flipaute-se na Pipa ou em qualquer outro lugar
 
No ano de 2015, comecei um "namorinho" com o Festival Literário Alternativo de Pipa, que este ano será realizado de 02 a 05 de dezembro, na Praça do Pescador, no centro da praia da Pipa, em Tibau do Sul.  Aos poucos, fui me jogando de cabeça "nesta relação" e hoje me considero totalmente conectada ao evento. Comecei replicando, para meus contatos da mídia, o material produzido pelo idealizador e produtor Jack D'Emília, até que assumi a assessoria de imprensa, função que exerço de forma não remunerada. 
 
Todas as pessoas que trabalham para o festival acontecer - ultimamente, o Flipaut tem ocorrido no primeiro ou segundo final de semana de dezembro - atuam de maneira voluntária, desde a sua primeira edição em 2011. Somos um evento totalmente colaborativo. Da produção aos artistas que se apresentam no palco da Praça do Pescador e nos espaços que compõem nosso circuito cultural, compomos um grande time de colaboradoras e colaboradores que se lançam com o coração para oferecer aquilo que amamos, que é a literatura em suas diversas vertentes e facetas, dos livros propriamente ditos, à música, à poesia e ao teatro. 
 
Nosso maior intuito é oferecer tudo isso de maneira acessível, gratuita (apresentações) e de baixo custo (livros, discos etc).  Nossa maior atração é a Feira de Livros Novos e Usados, que movimenta os quatro dias do evento e leva, até a paradisíaca praia da Pipa, sebos, editoras e autores (as) para lançar e divulgar novos e antigos trabalhos. A partir das 17h30 até 23h, testemunhamos e vivenciamos uma bonita integração entres as pessoas que formam as comunidades local e global, ou seja, moradores nativos e agregados e os turistas que anualmente lotam o destino internacionalmente conhecido por suas belezas naturais, sua onda propícia à prática do surfe e sua diversificada gastronomia, que lhe dão um aspecto cosmopolita. 
 
A programação é composta de forma democrática: lançamos a convocatória em meados de setembro ou outubro, damos prazos final para envio de ideias, e decidimos pelos projetos mais viáveis. A produção faz o que pode e oferta aos participantes o que consegue em termos de estrutura junto ao poder público, à classe empresarial e aos mecenas. Neste ano, inovamos e lançamos o concurso de poesia, para inscritos em geral e os estudantes. Muita gente boa se inscreveu! Ficamos muito felizes com o engajamento que obtivemos com mais essa ação. 
 
Continuamos próximos da juventude, que é protagonista do nosso braço chamado Flipaut Jovem, coordenado por Marina Luna. Estamos de mãos dadas  também com as crianças, através da ação Leitura na Praça, oferecida pela querida Marizé Assis, que criou e coordena o projeto Biblioteca Infantil Comunitária de Sibaúma. Teremos bates-papos literários, saraus, apresentações musicais, performances teatrais, tudo isso e muito mais! É uma feira, é um lindo evento, é uma família que cresce a cada ano. 
 
No ano passado, a fim de driblar a pandemia que não nos permitiu encontro presencial, produzimos o livro que conta a história dos primeiros 10 anos do festival, que estará à venda. E por último, quero reforçar que a maior função do evento é difundir a produção lítero-musical de autores e autoras independentes e promover um encontro real com os públicos mais variados. Se conseguimos despertar a curiosidade das pessoas da Pipa e dos visitantes por um segundo que seja, já sentimos que nossa missão está sendo executada com êxito. Aliás, é por isso que estou escrevendo. Para dizer que no final de semana eu estava a caminho de Baía Formosa-RN e comecei a dialogar  com uma passageira que pegou o mesmo carro que eu. Ela é de Goianinha, cidade que fica bem próximo a Tibau do Sul. 
 
Falando sobre eventos de uma maneira em geral, ela citou que ama o festival literário de Pipa e até então nem sabia que voltamos neste ano à Praça do Pescador. Não me contive de tanta felicidade! Imediatamente, abri a bolsa e lhe ofereci o folder impresso com a programação da décima segunda edição do evento. É isso. Está dada a dica! Acesse www.flipaut.blogspot.com e flipaute-se com a gente!