IMD tem vagas para jovens superdotados; inscrições seguem até 16 de janeiro

11/01/2022


Foto: Ascom/IMD

 

 

O Instituto Metrópole Digital está com inscrições abertas até o dia 16 de janeiro para os candidatos que desejem se inscrever no Talento Metrópole. O projeto oferta orientação educacional e formação complementar a jovens com superdotação e altas habilidades cognitivas.

O projeto é uma iniciativa do IMD/UFRN direcionado aos alunos das redes pública e privada de ensino que estejam cursando o Ensino Médio ou os últimos três anos do Ensino Fundamental.

Instituído em 2015, o Talento Metrópole oferece aos estudantes uma formação adequada a adolescentes com o perfil de altas habilidades/superdotação. No programa, os alunos são estimulados a utilizar metodologias que rompem com os padrões tradicionais de ensino, incentivar o interesse pela pesquisa científica e pela expansão dos conhecimentos na área de Tecnologia da Informação.

O estudante que ingressa no programa é acompanhado por um tutor (professor pesquisador da UFRN), junto ao qual desenvolve um plano individual de trabalho, considerando interesses, habilidades e competências do aluno, que poderá cursar componentes curriculares nos diferentes níveis de formação da Universidade.

Além disso, o estudante dispõe de toda a infraestrutura do IMD, sendo assistido por equipe especializada constituída por psicólogos, pedagogos e assistente social. Desse modo, o programa também atua como um agente social, porque oferece assistência a crianças e adolescentes com um perfil que se constitui em uma necessidade educacional especial.

 

Processo seletivo

Para se inscrever, os interessados devem preencher Edital 075/2021, que disciplina o processo seletivo.

O processo seletivo para ingresso no Talento Metrópole acontece em três etapas. Na primeira, é feita uma triagem digital, realizada pela plataforma E-Genius, que verifica indicadores comportamentais comuns a jovens com altas habilidades. Para isso, os candidatos receberão informações, após se inscreverem, para baixar o aplicativo vinculado à plataforma e realizar o teste lá disponibilizado.

A segunda etapa será constituída de uma Avaliação de Competências e Habilidades Cognitivas, a ser aplicada presencialmente, na sede do Instituto Metrópole Digital. O objetivo aqui é avaliar habilidades e competências potenciais relevantes para a Tecnologia da Informação, Inteligência e Criatividade. Os 45 candidatos que obtiverem as maiores médias serão selecionados para a terceira fase, que é o Curso de Férias do IMD.

Para saber mais detalhes sobre as etapas da seleção, suas respectivas datas e outras informações, os interessados devem acessar o