Rio Grande do norte obteve o 5º lugar na criação de novos empregos em 2021 divulgou CAGED

24/12/2021


Foto: Reprodução

O Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) divulgou nesta quinta-feira (23) pelo Ministério do Trabalho e Previdência, o desenvolvimento dos estados em relação a criação de novos trabalho, e de acordo com este dados o RN obteve saldo positivo, de 3.234 novos empregos no mês de novembro, já para os últimos 11 meses deste ano, foram 33.613 novos postos de trabalho no território potiguar.

Nos 11 meses de 2021, o Rio Grande do Norte registrou 176.937 admissões e outros 143.324 desligamentos, o que representa um saldo de 33.613 vagas. O resultado do ano é puxado pelo setor de serviços, que soma 14.588 vagas abertas. Em seguida, o setor de comércio registra 7.623 postos criados.

Já na criação de novas empresas o CAGED informou que mesmo durante a pandemia o mês de Novembro teve como principal propulsor o setor de serviços, com a criação de 1.630 postos formais, seguido pelo comércio, que abriu 1.384 vagas. Já a construção civil gerou 403 vagas. 

Em todo o ano, o setor de serviços também é o que mais contabiliza maior abertura de vagas com carteira assinada. Em todo o ano, o setor tem saldo de 14.588 vagas geradas. O resultado mostra que o setor vem se recuperando diante das perdas de 2020. No ano passado, o setor terminou com 4.360 vagas fechadas. 

Na comparação com as unidades federativas da região Nordeste, o Rio Grande do Norte teve o quinto resultado na criação de empregos de todo o ano. O líder nas estatísticas é o estado da Bahia, com saldo de 137.702 empregos. Por outro lado, o último colocado é Sergipe, que tem saldo de 14.539.