Movimentos sociais são impedidos de entrar na Câmara durante votação do Plano Diretor de Natal

23/12/2021


Foto: Matheus Araújo

 

A vereadora e líder da bancada da oposição na Câmara Municipal de Natal, Brisa Bracchi (PT), publicou há pouco, em suas redes sociais, um vídeo onde discute com um membro da Guarda Municipal, que havia impedido a entrada de manifestantes do Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas (MLB) nas galerias da Câmara Municipal de Natal. 

 

“Nós defendemos que quem quiser pode entrar na Casa do Povo para acompanhar toda e qualquer votação, ainda mais em uma tão importante como essa que é o Plano Diretor”, afirmou a vereadora na postagem. 

 

O coordenador do MLB, Matheus Araújo, afirmou que "estão vendendo a cidade de Natal para os empresários e jogando todo o peso de repressão pra poder garantir!" em postagem nas redes sociais. 

 

Durante sessão nesta quarta-feira (22), o vereador Klaus Araújo ameaçou retirar os manifestantes contrários às alterações, e seu acelerado processo de revisão, propostas ao Plano Diretor de Natal. “Se continuar assim vou pedir que se retirem. Não pode o vereador ficar votando com uma gritaria dessa!”, interrompeu o vereador do Solidariedade. 

 

Na ocasião, Klaus Araújo afirmou que os vereadores Brisa Bracci (PT) e Robério Paulino (PSOL) eram responsáveis pela presença dos manifestantes no plenário. É direito de todo cidadão acompanhar as votações da Câmara. 

 

O projeto começou a ser votado em sessão extraordinária nesta terça-feira (21) e deve seguir até quinta (23).