Rota da Cerveja Potiguar incrementa o turismo de experiência no RN

16/12/2021


 

Traçar um roteiro turístico em que o principal atrativo seja pequenos empreendimentos produtores de cerveja artesanal para fomentar a venda dos produtos, ampliar a lucratividade das empresas e estimular a interiorização do turismo. Esses são alguns dos objetivos da estruturação da Rota da Cerveja Potiguar, um circuito de visitação às cervejarias artesanais instaladas no estado, lançado pelo Sebrae-RN nesta terça-feira (14) para empresas de receptivo, empresários e imprensa especializada em turismo.

A integração com turismo é uma forte tendência e é vista com entusiasmo pelos segmentos. Dados do 2º Censo Cervejarias Independentes, realizado pelo Sebrae em parceria com a Associação Brasileira da Cerveja Artesanal (Abracerva) indicam que a tendência de integrar cervejarias ao turismo já atinge quase 50% dos empreendimentos do setor. Por isso, o Rio Grande do Norte está propondo a criação desse roteiro como forma de aquecer as vendas das cervejas artesanais e, ao mesmo tempo, de criar um novo atrativo turístico com a visita dos empreendimentos instalados em regiões urbanas e rurais do estado.

A primeira etapa da estruturação do roteiro foi de mapeamento e diagnóstico das empresas. Foram feitos um levantamento e uma visita técnica às cervejarias já atendidas pela instituição e que constam no Catálogo das Cervejas Artesanais do Rio Grande do Norte impresso e no Portal https://digital.rn.sebrae.com.br/conteudos/ebook/rota-da-cerveja-potiguar. Essas empresas já haviam participado de consultorias e orientações sobre adequação sanitária e os procedimentos para implantação, regularização e formalização, oriundas do projeto Transforma RN, desenvolvido em parceria com a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI).

Para o diretor superintendente do Sebrae-RN, José Ferreira de Melo Neto, não existe segmento mais representativo da pequena empresa do que as cervejarias artesanais com pequenas fábricas e as dificuldades inerentes ao produto, que busca ampliar cada vez mais o seu mercado. “Queremos apoiar e nos aproximar ainda mais desse segmento que consideramos muito importante no contexto do turismo. É um produto novo para o turismo, um nicho importante a ser explorado pelo turismo, resgatando histórias e tradições do nosso estado também para o turista que vem nos visitar, quer conhecer e consumir as nossas cervejas”, afirma Melo.

A empresária e vice-presidente do Sindicato da Empresas de Turismo do RN - Sindetur, Decca Bolonha, elogiou a iniciativa do Sebrae no Rio Grande do Norte, acreditando que a aproximação entre os pequenos produtores de cervejas artesanais e o trade turístico, sobretudo no turismo de sol e mar e também no interior do estado. “À exemplo das cachaças artesanais, as cervejas é um nicho muito importante, principalmente para atrair turistas, que é um consumidor em potencial. Oferecer ao visitante a oportunidade de conhecer a produção da cerveja artesanal e apreciar uma degustação é muito importante, porque muitas pessoas têm curiosidade de saber como se faz uma boa cerveja artesanal”, avalia.

Proprietária da empresa de receptivo Potiguar Turismo, Decca Bolonha, reconhece no Sebrae um grande incentivador do turismo do Rio Grande do Norte, através do apoio aos pequenos negócios em cada segmento. “Criar um roteiro de visitação às cervejarias artesanais instaladas no estado, a partir de uma jornada de mais de um mil quilômetros de estrada, saindo da capital até o interior do estado, é uma iniciativa bastante louvável e que só engrandece o nosso setor”, conclui a empresária.

O diretor técnico do Sebrae-RN, João Hélio Cavalcanti, destacou que a estratégia das cervejarias artesanais integradas aos roteiros turísticos é o pontapé inicial para a efetiva interiorização do turismo no Rio Grande do Norte. “Essa iniciativa inovadora vai no movimento do Geoparque Seridó e tantos outros destinos com potencial para integrar essa rota, que certamente trará grandes benefícios ao turismo do RN e às próprias cervejarias artesanais”, avalia João Hélio, acreditando que será necessário que prevaleça o espírito do associativismo e da união para o fortalecimento da cadeia.

Os objetivos principais da Rota da Cerveja Potiguar é contribuir para a inovação da oferta e a interiorização do turismo, aproximando comercialmente os dois segmentos, que detêm grande potencial de geração de renda, oportunizando mais opções de atividades e, consequentemente, aumentando o tempo de permanência dos visitantes no destino Rio Grande do Norte.

A Rota da Cerveja Potiguar é uma ação coordenada pela Unidade de Desenvolvimento Setorial do Sebrae-RN, através do Setorial da Indústria de Alimentos e Bebidas e de Turismo, que, para estruturação do roteiro, está orientando os agentes e o mercado do turismo, especialmente as empresas que atuam no receptivo, a integrar em seus serviços e roteiros às cervejarias. Participam da ação as cervejarias atendidas pelo Sebrae e que possuem o registro no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

“Fizemos um levantamento técnico para saber a capacidade de suporte, número máximo de pessoas que cada empreendimento pode receber, necessidade de reservas, experiência que oferecem e como se dá o acesso para veículos de turismo, por exemplo.  Essas informações que são imprescindíveis para o mercado do turismo conseguir comercializar o roteiro”, explica o gestor do Projeto de Turismo do Sebrae-RN, Yves Guerra. Segundo o analista técnico do Sebrae-RN, essas informações são estratégicas para o mercado, uma vez que identifica algumas condições primordiais para garantir uma melhor experiência aos visitantes, bem como a operacionalização logística de grupos que possam vir a visitar as cervejarias potiguares.

“A gente observa que já é uma tendência em outros estados do Brasil por essa busca para integrar os dois segmentos.  As pessoas que apreciam cervejas artesanais podem procurar destinos que oferecem esse tipo de experiência”, destaca. Para o lançamento da proposta de roteiro, foram convidadas agências de turismo, que trabalham nesse nicho e na área de receptivo, e empresários do setor. Durante o encontro foi apresentado o caderno técnico contendo as informações obtidas com o mapeamento do segmento.

Integram a Rota da Cerveja Potiguar as seguintes cervejarias:

Cervejaria 1920

Cervejaria Armorial

Cerveja Bacurim

Cerveja Benedita’s Beer

Cervejaria Black Sheep

Cervejaria Brejo Beer

Cervejaria Cabocla

Elétrica Cervejaria

Cervejaria Holanda

Cervejaria Hope Mundi

Cervejaria Mall

Cervejaria Nordestina

Cervejaria Raffe