Mais dois assassinatos em Mossoró; cidade chega a 101 homicídios

17/07/2019

Por: Redação PN
Foto: Reprodução
Dois crimes de homicídios foram registrados na madrugada desta quarta-feira (17) no bairro Dom Jaime Câmara, zona leste de Mossoró. Com isso, a segunda maior cidade do Rio Grande do Norte já conta 101 assassinatos no ano.
 
O primeiro crime aconteceu na Rua Francisco Pereira de Azevedo e teve como vítima o carroceiro conhecido apenas como “Bacurin”. Ele foi morto com tiros de pistola e teve a cabeça totalmente desfigurada com tiros de espingarda.
 
A equipe de perícia criminal localizou apenas capsulas de pistola 380, mas segundo o delegado Evandro Luiz, o estrago provocado na cabeça da vítima é compatível com tiros de escopeta calibre 12.
 
Segundo informações de populares, “Bacurin” fazia bicos como carroceiro e não morava na residência onde foi morto. A família da residência viajou e ele teria ficado tomando conta da casa. A polícia não confirma, mas recebeu informações que o crime teria sido praticado por quatro elementos numa caminhonete branca. No momento do crime, todos estavam com os rostos cobertos.
 
 
SEGUNDO CRIME
 
Enquanto a equipe do Itep realizava os procedimentos no local da morte de “Bacurin”, a Central de Operações da Policia Militar acionou uma das viaturas para o local da segunda ocorrência, na Rua Antônio Nogueira de Lucena, “Favela do Velho”, no Dom Jaime Câmara, para auxiliar a equipe do Samu no socorro a uma pessoa ferida a tiros.
 
Quando a equipe do Samu e a polícia chegaram ao local, já encontraram a vítima, conhecida como “Negrada”, sem vida, no quintal de uma residência.
 
A polícia recebeu informações que uma senhora teria sido acordada com uma pessoa batendo na porta dos fundos da residência pedindo socorro. Quando a mulher abriu a porta, encontrou “Negrada” já caído pedindo para que não o deixasse morrer.
 
A mulher não sabe o que teria acontecido, mas acredita que a vítima foi ferida e conseguiu se deslocar, em buscas de socorro médico. A equipe do Itep localizou apenas um ferimento nas costas da vítima provocado por um tiro.
 
Com ele foi encontrado um pequeno saco plástico com algumas pedras de crack e outros dois saquinhos embalando pequenas porções de maconha.
 
Nos dois casos as vítimas estavam sem qualquer documento de identificação. Depois dos procedimentos realizados nos locais dos crimes, os corpos foram removidos para exames na Unidade Regional do Itep em Mossoró.
 
* Com as informações e fotos do site "O Câmera"

Fonte: De Fato, O Câmera