Polícia prende atirador que matou três pessoas em Walmart dos EUA

02/11/2017


Foto: Atirador que abriu fogo em loja do Walmart no Colorado está sendo procurado pela polícia - HANDOUT / REUTERS
A polícia americana conseguiu prender o atirador que matou três pessoas na noite de quarta-feira numa loja de departamentos Walmart em Denver, no Colorado, oeste dos Estados Unidos. As vítimas foram dois homens e uma mulher. Não estão claros os motivos da ação criminosa, que aconteceu em Thornton, ao norte de Denver. Agentes de segurança saíram por várias horas em busca do suspeito, que fugiu após disparar contra os clientes e prateleiras do estabelecimento, sem explicações ou tentativa de roubo.
 
Os relatos das testemunhas dizem que o atirador Scott Ostrem, de 47 anos, entrou calmamente na loja antes de abrir fogo, pouco antes das 18h (horário local). Em seguida, saiu do estabelecimento e deixou o local num automóvel.
 
Os dois homens mortos faleceram no local do crime. A mulher chegou a ser levada ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos. A ação criminosa provocou pânico entre clientes e funcionários, segundo testemunhas.
 
— Os funcionários começaram a gritar e os clientes também — contou Aaron Stephens, de 44 anos, que estava no Walmart na hora do ataque.
 
Thorton é uma cidade de cerca de 120 mil pessoas, a cerca de 16 quilômetros de Denver.
 
No mês passado, um atirador matou 58 pessoas em Las Vegas, no mais sangrento tiroteio da história recente dos Estados Unidos. Segundo um estudo divulgado em outubro, ao menos 33 mil pessoas morrem anualmente por armas de fogo nos Estados Unidos, um país onde a posse de armas está prevista na Constituição e comprar uma pistola ou fuzil não representa grande dificuldade.
 

Fonte: O Globo/Reuters