Rodoviários fiscalizarão cumprimento do acordo, diz sindicalista

29/06/2015

Por: Tiago Rebolo
Foto: Tiago Rebolo
A greve dos motoristas e cobradores do transporte público de Natal está suspensa, depois da bem-sucedida negociação entre a categoria dos rodoviários e o sindicato patronal, o Seturn (Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de Natal). A informação foi dada pelo presidente do Sintro (Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários), Júnior Rodoviário, durante entrevista ao programa Conexão Potiguar, da BAND Nordeste.
 
Segundo ele, o acordo consistiu no reajuste salarial de 10%, entre outras reivindicações atendidas. "Este aumento é o terceiro maior do Brasil, diga-se de passagem", comemora Júnior.
 
Além do aumento salarial, também foi solicitado junto às empresas a manutenção do índice de 50% da frota de ônibus em circulação composta por cobradores e motoristas trabalhando em conjunto. De acordo com Júnior, esse índice deverá ser ampliado para 75% em 2016 e para 100% em 2017. A intenção é melhorar as condições de trabalho dos motoristas, impedindo que eles exerçam duas funções, e garantir o emprego da categoria dos cobradores.
 
Segundo o presidente do Sintro, o que a categoria clamou durante as negociações foram condições mínimas para poder trabalhar. E, a partir de agora, a fiscalização quanto ao cumprimento das demandas será intensificada. "Faremos pesquisas, por exemplo, para aferir a quantidade de ônibus que estão circulando com motoristas e cobradores e que estão somente com um profissional", destacou.
 
Entre as demandas apresentadas pelo sindicato, ainda está a reivindicação pelo pagamento em dobro das diárias trabalhadas em domingos e feriados.
 
A entrevista completa de Júnior Rodoviário ao programa Conexão Potiguar vai ao ar nesta terça-feira (30), a partir das 7h da manhã, na BAND Nordeste.