Pesquisa GAZETA/CIPEC: Larissa está com 48.8% das intenções de voto

30/11/-0001

Por: Ednilto Neves

A primeira pesquisa eleitoral realizada pela GAZETA DO OESTE, para a sucessão municipal 2012, que teve o trabalho de campo feito pelo CIPEC, mostra a liderança da candidata do PSB, Larissa Rosado, que obteve 48.8% das intenções de voto na pergunta estimulada. Ela tem vantagem de 11.9% sobre a segunda colocada, a vereadora Cláudia Regina (DEM), que ficou com 36.9%.

Os percentuais mostram números já bem definidos pelo eleitor, mesmo a 40 dias do pleito. O professor Josué Moreira (PSDC) é o terceiro colocado com 1.4% das intenções de voto, seguido pelo professor Ednaldo Calixto (PRTB) com 0.8%, e Cinquentinha (PSOL) com 0.6%Os eleitores que disseram ter intenção de anular o voto ou votar em branco são 6.3% e os que não souberam responder são 5.4%.

A pesquisa foi realizada entre os dias 21, 22 e 23 de agosto, sendo entrevistadas 800 pessoas. A margem de erro é de 4.4%, e seu registro junto ao Tribunal Regional Eleitoral é nº RN-00060/2012.



Pesquisa também mede rejeição de candidatos

À medida que a campanha se afunila, os eleitores tendem a radicalizar e isso se reflete na cristalização dos votos e na rejeição. Eleitores de determinado candidato não admitem voto em favor do concorrente. O índice de maior rejeição é de Cláudia Regina (DEM) com 42% dos eleitores dizendo que não votam nela de jeito nenhum. Larissa Rosado (PSB) tem 28.1% de rejeição. Os demais candidatos apresentam índices de 73.1% para Josué Moreira; 75% para professor Ednaldo e 75.1% para Cinquentinha.



10.4% é a vantagem de Larissa na espontânea

A pergunta espontânea sobre quem o eleitor deseja votar para prefeito apresenta quadro muito semelhante ao da estimulada, mostrando que o eleitorado já demonstra grau de definição de voto alto no atual estágio da campanha. Nela, a vantagem de Larissa Rosado é de 10.4%. Ela obteve 42.8% dos votos contra 32.4% de Cláudia Regina.O professor Josué Moreira teve 0.6%, contra 0.4% para Ednaldo Calixto e Cinquentinha. Outros tiveram 0.9% e 22.6 não souberam responder ou não deram resposta.



Um serviço em prol do leitor

A GAZETA DO OESTE, líder de mercado em função de sua credibilidade e da boa informação, está presente em todos os momentos históricos e importantes da sociedade. Em todas as eleições, por exemplo, fortalece a democracia e esclarece questões que ajudam o eleitor a participar do processo eleitor.

Com esse propósito, contratou pesquisas do Centro Integrado de Pesquisa e Comunicação (CIPEC), com sede à Rua da Aurora, 555 s/204, no Bairro Boa Vista, Recife (PE), há quase 30 anos no mercado brasileiro e detentora de credibilidade. A pesquisa foi realizada nos dias 21, 22 e 23 de agosto, com 800 entrevistas. 52.3% dos entrevistados foram homens, 47.8% de mulheres; 22.1% estão na faixa etária de 16 a 24 anos; 49.3% de 25 a 44 anos; e 28.6% acima dos 45 anos.

Entre os entrevistados, 7.1% não leem, nem escrevem ou não têm o primário completo; 49.5% têm ensino fundamental; 40.1% têm ensino médio, e 3.3% têm ensino superior completo ou incompleto. O universo da pesquisa foi definido a partir eleitores do município de Mossoró com 16 anos ou mais.

A amostra probabilística de estágios múltiplos. No primeiro estágio foram selecionados probabilisticamente os bairros que compõem a amostra através do método PPT (Probabilidade Proporcional ao Tamanho), tomando como base a população de cada um. No segundo estágio, foram selecionados por sorteio aleatório os setores censitários a serem pesquisados dentro de cada bairro.

Finalmente, no terceiro estágio foi feita a seleção das residências dentro do setor censitário, utilizando-se quotas para a seleção do entrevistado dentro da residência, em função das seguintes variáveis: sexo, idade e grau de instrução. Os dados da estatística do eleitorado foram definidos de acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de julho 2012. A margem de erro para mais ou para menos é 4,44% para os resultados do total da amostra. O intervalo de confiança utilizado para o cálculo da margem de erro é de 95,5% para p=q=0,5.