Coletivo de audiovisual de São Miguel do Gostoso ganha prêmio internacional

07/11/2019

Por: Redação PN
Foto: Divulgação
O Coletivo Nós do Audiovisual, formado em São Miguel do Gostoso dentro da Mostra de Cinema, acaba de ganhar o prêmio de “Reconhecimento Especial” no 12º Los Angeles Brazilian Film Festival, em Los Angeles (EUA), pelo curta-metragem “O grande amor de um lobo”. O filme foi produzido por jovens do município após um trabalho intenso de oficinas realizado pelos diretores gerais da Mostra, Eugênio Puppo e Matheus Sundfeld. O Governo do Estado, por meio do projeto Governo Cidadão e Secretaria de Turismo, apoia a Mostra de Cinema de Gostoso, cuja 6ª edição começa nesta sexta-feira (8).
 
As oficinas de audiovisual acontecem desde 2013 e envolvem jovens e adolescentes da comunidade. Em cinco anos foram realizadas 45 oficinas, que resultaram na produção de 19 curtas-metragens, dos quais quatro são inéditos e serão exibidos neste final de semana durante a Mostra. Nas aulas os estudantes aprendem formação técnica e audiovisual e a dominar toda a cadeia da produção cinematográfica.
 
“O grande amor de um lobo” já havia ganhado também a premiação de aquisição do Canal Brasil no Cine Ceará, e deve começar a ser exibido no canal em breve. Além destas premiações, o Nós do Audiovisual também foi reconhecido com o documentário “Filho de Peixe” e ganhou o direito de exibição na TV Cultura no Festival Internacional de Curtas de São Paulo.
 
Para a gerente executiva do projeto Governo Cidadão, Ana Guedes, o reconhecimento do coletivo em premiações nacionais e internacionais demonstra a importância do investimento do Governo do Estado no evento. “Um dos maiores impactos da Mostra de Cinema é na vida desses adolescentes e jovens, contribuindo para sua formação cultural. Muitos nunca tiveram contato com o cinema e através deste trabalho eles não só conhecem essa arte, como passam a produzi-la”, destaca.
 
Sobre a Mostra de Cinema de Gostoso
 
De sexta até a próxima terça-feira (12) serão exibidos mais de 60 filmes durante a Mostra de Cinema de Gostoso – incluindo Bacurau, longa premiado internacionalmente e que traz na narrativa a história de um vilarejo sertanejo, ambientado na cidade de Parelhas. O evento conta com apoio do Governo do Estado pelo terceiro ano consecutivo, por meio dos recursos do acordo de empréstimo com o Banco Mundial.
 
Desde 2013 o festival leva cultura à população local e visitantes, proporcionando a magia da sétima arte num contexto rústico e caseiro, com sala de cinema na areia da praia. Cursos e seminários também são oferecidos dentro da programação.