Programa Microcrédito investe R$ 1,39 milhão em 467 empreendedores do RN

16/08/2019

Por: Redação PN
Foto: Divulgação
Nesta quinta-feira (15) a Agência de Fomento do Rio Grande do Norte entregou o financiamento para 467 empreendedores de oito municípios do estado, a partir de um investimento de R$ 1,39 milhão, através do programa do Microcrédito do Empreendedor Potiguar.
 
A entrega aconteceu em duas cidades. A primeira delas foi realizada na sede do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, em Apodi, na região Oeste potiguar.
 
Na ocasião, 231 empreendedores de Apodi, Caraúbas, Itaú, São Francisco do Oeste e Rodolfo Fernandes foram recebidos pela equipe técnica da AGN para assinar seus contratos e receber os recursos para investir em seu negócio. Um total de R$ 760 mil foram injetados na economia da região.
 
À tarde, Upanema foi vez de Upanema receber a caravana do Microcrédito, no Ginásio Poliesportivo Wilneran Cabral dos Santos.
 
Lá, 236 empreendedores distribuídos em Upanema, Janduís e Campo Grande foram beneficiados pelo programa gerido pela AGN e que resultou num investimento de R$ 609 mil na economia dos três municípios da região.
 
Os dois eventos contaram com a participação da diretora-presidente da AGN-RN, Márcia Maia, e da governadora do RN, Fátima Bezerra, que comemoraram a oportunidade de fomentar o desenvolvimento econômico a partir do empreendedorismo regional.
 
O Microcrédito gera ocupação e renda nos diferentes setores e ajuda a desenvolver a economia do Estado.
 
“Quero destacar que em meio a essa crise nacional, o Governo do Estado abraça os pequenos empreendedores e movimenta a economia no plano local, contribuindo para fortalecer a cidadania. Temos trabalhado, junto com a diretora da AGN, Márcia Maia, e sua equipe, para que o programa chegue a todos os municípios do RN. O governo é para governar para todos e todas, mas sobretudo, é para olhar para os pequenos, para os que compõem a maior camada da população brasileira", disse a governadora
 
Para a diretora-presidente da AGN, o programa oferece oportunidade a pessoas para que elas possam desenvolver seus projetos e abraçar o empreendedorismo.
 
"É, sem dúvida, um dos programas mais exitosos do estado. Não apenas pelo aspecto econômico, a partir da injeção de recursos na economia das cidades e regiões, mas principalmente por permitir que as pessoas possam empreender, desenvolver seus próprios negócios e realizar seus sonhos. É uma iniciativa, acima de tudo, voltada para as pessoas", afirmou Márcia Maia.
 
De janeiro até a primeira semana de agosto, o programa Microcrédito do Empreendedor já injetou R$ 9,5 milhões na economia potiguar e beneficiou mais de 2,9 mil empreendedores dos mais variados segmentos em todas as regiões do Rio Grande do Norte.