Shows de Gilú Amaral e Rousi Flor com ampla programação nesta sexta

11/01/2019


 
Pela segunda vez o show solo Percursos e a oficina Orquestração Percussiva de Gilú Amaral chegam ao RN, desta vez em dois momentos bem diferenciados. O primeiro deles na abertura da Curva do Vento A casa, que acontecerá nesta sexta feira 11. O segundo acontecerá no Porão das Artes, amanhã, 12. no mesmo dia em que Gilú mediará sua oficina Orquestração Percussiva. 
 
A vinda de Gilú contou com uma produção coletiva. No grupo, Jambeira Musical, Rousi Flor de Caeté, Gustavo Matos, Nelson Rebouças e Natali Paiva.
 
Os dois momentos trazem participações especiais, como a cantora e compositora Rousi Flor de Caeté, com o show Pedra Flor e o bailarino Diogo Gonçalves. Ambos já residentes no RN.
 
Percursos é o primeiro trabalho solo do percussionista Gilú Amaral.  Fundador da Orquestra Contemporânea de Olinda (OCO), banda importante no cenário da música brasileira e que teve o primeiro disco (Orquestra Contemporânea de Olinda,2008) indicado ao Prêmio da Música Brasileira e ao Grammy Latino. Participou do disco Sinfonia & Batuques, de Naná Vasconcelos, vencedor do Grammy Latino, no ano de 2011. Nos últimos anos, levou seu trabalho solo para vários países da Europa e Estados Unidos - onde se apresentou no PASIC 2017 (Percussive Arts Society International Convention), considerado o maior evento de bateria e percussão do mundo. Gilú Amaral também é produtor musical, compositor de trilhas sonoras para filmes e espetáculos de dança, além de  diretor artístico e curador do circuito de música Aurora Instrumental.
 
Rousi Flor de Caete é multiartista alagoana. Cantora, compositora, professora de Língua Portuguesa, escritora, mestre em Educação, artista visual e artesã. 
 
Transita entre Natal, Pium e Olinda. Com residência fixada em Olinda, iniciou seu trabalho musical no RN com repertório autoral que mescla tendências que vão do intimismo às músicas inspiradas em diversos ritmos tradicionais. Em constante pesquisa, a artista transita entre a inspiração afroameríndia, nordestina e a Música do Mundo.