Presidentes de Câmaras da Grande Natal podem ter protagonismo na eleição

02/05/2016

Por: Da Redação do PN
Faltando pouco tempo para o início oficial da campanha eleitoral que elegerá prefeitos e vereadores, palanques começam a ganhar corpo nos municípios que formam a Região Metropolitana de Natal (RMN). Nesta pré-campanha, uma particularidade já se faz notar: presidentes de Câmaras Municipais mostram força política e almejam participação efetiva na campanha e na eleição.
 
Se em Natal, o presidente da Câmara, Franklin Capistrano mostra discrição e pouca vontade de fazer parte das decisões maiores, o mesmo não se mostra nos dois municípios mais populosos e fortes depois da capital, Parnamirim e São Gonçalo do Amarante, onde os presidentes do Legislativo querem e podem se fazer presentes  na campanha majoritária.
 
No município Trampolim da vitória, o presidente Ricardo Gurgel (PSB) assume o papel de oposição ferrenha à administração atual e se coloca como pré-candidato de oposição.
 
Em entrevista ao PN já declarou que aceita dialogar com as outras pré-candidaturas de oposição, mas, não com o candidato da situação, Naur Ferreira. Ricardo vem aparecendo bem em algumas pesquisas de intenção de voto, e em caso de vitória, seria a primeira vez que um presidente de Câmara se elegeria prefeito em Parnamirim.
 
Em São Gonçalo, município que vem crescendo de forma acelerada, o presidente do Legislativo, Raimundo Mendes (PMB), de forma discreta e diplomática, como é seu modus operandi político, vem se construindo como possibilidade concreta para compor a chapa.
 
Na semana passada, Mendes formou acordo político com  Chanxe Dantas, presidente municipal do PRB, e o vereador Gerson Bezerra (PRB) firmaram acordo para a indicação da pré-candidatura de vice-prefeito na chapa situacionista das próximas eleições. Trata-se de uma força política que não pode e não deverá ser ignorada pelo prefeito Jaime Calado e pelo pré-candidato Paulinho.
 
Outro município onde o presidente de Câmara deverá ter protagonismo este ano é Extremoz. Joaz Oliveira, que vem se destacando á frente do Legislativo, é considerado favorito à sucessão do prefeito Klaus Rego, que se encontra desgastado e não consegue emplacar uma pré-candidatura de seu grupo. Joaz conta hoje com apoio de vereadores e suplentes e a preço de hoje tem sua pré-candidatura com amplas chances de vitória.