Vaticano confirma hipótese de ida do Papa a Cuba

17/04/2015


Foto: O Papa Francisco
O porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, confirmou nesta sexta-feira (17) que o papa Francisco está avaliando a hipótese de fazer uma passagem por Cuba durante sua visita aos Estados Unidos, marcada para setembro deste ano.
 
Essa possibilidade havia sido revelada pelo diário norte-americano "The Wall Street Journal" na última quinta (16). No entanto, segundo o religioso, os contatos com as autoridades de Havana ainda estão em um estágio "muito inicial" para que se possa falar dessa ideia como uma "decisão tomada".
 
O Pontífice teve um papel crucial na retomada das relações diplomáticas entre Cuba e Estados Unidos, com o Vaticano recebendo reuniões entre delegações dos dois países no ano passado. Além disso, em diversas ocasiões ele afirmou estar satisfeito com a histórica reaproximação.
 
A viagem do Papa aos EUA está marcada para os dias 22 a 27 de setembro, durante os quais ele discursará na Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), será recebido pelo presidente Barack Obama na Casa Branca e falará ao Congresso norte-americano. Francisco também deve passar pela Filadélfia.
 
Se a ida de Jorge Bergoglio a Cuba se confirmar, será a terceira visita de um Pontífice ao país. Em 1998, uma viagem de João Paulo II à ilha contribuiu para melhorar as relações entre o governo local e a Igreja, enquanto Bento XVI ficou durante três dias na nação caribenha em 2012 e celebrou uma missa na presença de Raúl Castro.