Emerson Alencar

13/02/2018
Por definição, líderes com confiabilidade externa são honestos e confiáveis para os outros. Seus relacionamentos nos negócios são trabalhos contínuos e em progresso, que eles têm nutrido ao longo do tempo. Pessoas com confiabilidade externa são, simplesmente, apreciadas. Mas isso não acontece apenas por acaso. Eles a construíram. Eles ganharam. E eles a protegem.
 
Eles fazem de maneira tão consistente demonstrando práticas empresariais moralmente saudáveis e eticamente irrefutáveis, e, ainda mais importante, eles tratam seus sócios, clientes, colaboradores e seus líderes com todo o respeito que eles gostariam de também receber.
 
Líderes com confiabilidade externa engajam seus colaboradores. Quando seus colaboradores fazem um ótimo trabalho, eles são rápidos em demonstrar-lhes apreço. A apreciação é fundamental. De acordo com o estudo sobre liderança desenvolvido pela Dale Carnegie Inc., colaboradores no Brasil têm 71% de probabilidade de serem inspirados por líderes que "elogiam melhorias de desempenho". Por outro lado, quando o colaborador comete um erro, um líder com confiabilidade externa geralmente o ajudará com a culpa e trabalhará em conjunto com ele para poder encontrar uma solução viável para o erro. Eles demonstram empatia. Eles sabem como eles gostariam de ser tratados se a situação fosse revertida. E eles respondem em conformidade.
 
É muito mais fácil trabalhar com um problema ou aceitar um novo desafio quando você sabe que o seu líder está ao seu lado. E isso é o que os líderes com confiabilidade externa demonstram. Eles auxiliam toda vez que for necessário. Não apenas quando for benéfico também para eles. Eles te ajudarão a sair da adversidade, da mesma forma que estarão torcendo quando você estiver no pódio.
 
Portanto, considere isso em sua ascensão na escada corporativa. Como você gostaria de ser tratado? Porque aquela "regra de ouro" que aprendemos no jardim de infância aplica-se tão bem na sala de conferências quanto deu certo no playground. Quando você trata as pessoas de forma justa, com respeito e com bondade (essencialmente da maneira que você gostaria de ser tratado), você ganha confiança! Não é que isso é fácil? 
 
Será que a confiança externa influencia nas negociações? A sua credibilidade pode influenciar o posicionamento da outra pessoa na negociação?
 
No próximo artigo, trataremos sobre negociação com pessoas difíceis.